Publicado em: 01/10/2013 ás 20:48:00 Fonte: Agência Brasil
No dia 1º de outubro é comemorado o Dia Mundial do Idoso. No ano de 2013 o Estatuto do Idoso completa dez anos, considerado um marco importante na garantia de direitos dessa faixa etária, especialistas fazem elogio ao estatuto. Porém, apesar do aumento da participação do idoso na sociedade, muitos direitos continuam apenas no papel. Jussara Rauth, integrante do Conselho Nacional do Idoso, disse que o estatuto ampliou a Lei 8.842 (de 1994), e reconheceu direitos do idoso, com sanções e punições previstas para a família, caso sejam violados. "Encontramos nas políticas públicas mais fragilidades do que fortalecimento, pois a questão do envelhecimento ainda não é pauta de uma agenda política forte. Continuamos a ver a ênfase em políticas como da criança e do adolescente. Só que hoje temos um percentual de crianças diminuindo e de idosos aumentando significativamente", comentou. "Precisamos de um equilíbrio, de uma compensação em cima das demandas sociais" Para o diretor da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia, Salo Buksman, o cumprimento do estatuto ainda não é uma realidade em muitos aspectos. "O estatuto foi uma iniciativa importantíssima, mas temos ainda muito caminho a percorrer para que a proteção do idoso seja efetivamente executada pela sociedade", disse ele ao citar algumas arbitrariedades cometidas contra idosos, como a prática de alguns planos e operadoras de saúde de negar o direito de clientes idosos adquirir novos planos.
Notícias relacionadas

16/07/2014

Nova Maringá, a bola da vez do Agronegócio

Visualizar Notícia

16/07/2014

Nova Maringá se torna modelo em Mato Grosso no Manejo Florestal

Visualizar Notícia

21/03/2014

Projeto solta alevinos nos rios Claro e Arinos

Visualizar Notícia

17/02/2014

CONCURSOS COM INSCRIÇÕES ABERTAS REÚNEM 42,3 MIL VAGAS EM TODO O PA...

Visualizar Notícia